Clínica Michelangelo - Cirurgia plástica em Curitiba

Cirurgias

A Clínica

Localização

Chat Online

Michelangelo Clínica

Orelha de Abano

     Se orelhas salientes ou desfiguradas incomodam você ou seu filho, pode-se considerar a cirurgia plástica. Cirurgia da orelha – também conhecida como otoplastia – pode melhorar a forma, a posição ou as proporções das orelhas. A cirurgia corrige um defeito na estrutura das orelhas presente desde o nascimento, que se torna aparente com o desenvolvimento, ou trata orelhas deformadas causadas por lesão. A otoplastia cria uma forma natural, dando equilíbrio e proporção às orelhas e à face. Correção de deformidades menores pode beneficiar a aparência e a autoestima. A idade ideal para a correção desse tipo de anomalia é aquela denominada “pré-escolar”, ou seja, dos 5 aos 7 anos, e isto por várias razões: primeiro, porque a orelha já está totalmente formada, atingindo quase o tamanho da de um adulto; segundo, porque evita que na escola a criança venha a sofrer problemas de ordem psicológica, em função de comentários ou zombarias por parte dos colegas. Todavia, nada impede que tal correção se faça em outras fases da vida.
                     
      O procedimento é rápido, variando de 1 a 2 horas de cirurgia, e o paciente tem alta no mesmo dia. A anestesia empregada poderá ser local com sedação intravenosa ou geral, seu médico irá recomendar a melhor opção para você. A correção de orelhas em abano usa técnicas cirúrgicas para criar ou aumentar o anti-hélice (apenas dentro da borda da orelha) e para reduzir a cartilagem da concha (a concavidade maior e mais profunda do ouvido externo). As incisões para otoplastia são geralmente feitas atrás da orelha. Quando incisões são necessárias na parte da frente da orelha, as mesmas são feitas nas suas dobras para escondê-las. Internamente, sutura não removível é usada para criar e fixar a cartilagem recém moldada.
      A otoplastia oferece resultados quase imediatos em casos de orelhas em abano, tão logo os curativos que sustentam o novo formato da orelha sejam removidos. Com a orelha permanentemente posicionada próxima à cabeça, as cicatrizes cirúrgicas são escondidas atrás da orelha ou em suas dobras naturais

                                               
                                                      RECOMENDAÇÕES PÓS OPERATÓRIAS

-A água do banho deverá ser fria para morna;

-Exercícios físicos de impacto estão proibidos por três meses, as caminhadas são permitidas;

-Não tome banho de sol enquanto estiver com hematomas (roxos);

-No dia seguinte a sua cirurgia, o dreno deve ser retirado.

-Antes do banho, retire apenas a atadura ou a faixa modeladora mantendo as cicatrizes protegidas. Evite molhar o curativo, ao término do banho o retire, seque as cicatrizes com secador de cabelos e aplique menthiolate, feito isso cubra-as com gaze e volte a usar a faixa modeladora. Evite molhar o algodão que esta modelando sua orelha, ele será retirado apenas em seu retorno.

-Dormir, ou descansar, com a cabeça e as costas ligeiramente elevadas, evitando posições laterais;

-Faça compressa gelada.

-Não aplique nas cicatrizes nenhuma pomada ou qualquer outro produto que não tenha sido recomendada pelo doutor;

-Hidratantes e óleos podem ser usados, desde que não entrem em contato com a com as cicatrizes;

-O uso da faixa modeladora é obrigatório por um mês, após esse período seu uso será de mais dois meses, porém apenas 12 horas por dia;

-Sua alimentação deve ser rica em proteína e líquidos, principalmente água de coco, suco de limão e isotônicos.

                Ficou com dúvidas ou quer saber a respeito da Otoplastia? Agende uma consulta!